Prefeitura inicia construção de Clínica da Família do Recreio

A Prefeitura do Rio iniciou, nesta quarta-feira (11/11), a construção da Clínica da Família do Recreio, na Zona Oeste, que beneficiará 24 mil moradores da região. Com oito equipes de saúde da família e três de saúde bucal, a nova unidade terá, além dos consultórios, salas de ultrassonografia, raio-x, observação clínica, procedimentos, curativos, coleta, reunião, saúde bucal, auditório, farmácia, almoxarifado e academia carioca.

– Essa iniciativa atende a um pedido que os moradores do Recreio vinham fazendo há algum tempo. O bairro vem crescendo rapidamente e as necessidades também. A Prefeitura, sensível às mudanças na cidade, se mostra presente mais uma vez, levando os equipamentos e serviços a quem precisa deles – afirmou o subprefeito Alex Costa.

No local, os pacientes terão atendimento clínico, tratamento para diabetes, hipertensão, pré-natal, exames laboratoriais, cuidados com a saúde da criança, vacinação, entre outros serviços de saúde. Eles também poderão retirar gratuitamente medicamentos e insumos de uma grade de 208 itens da Atenção Primária.

– Ano passado, tivemos meio milhão de pessoas saindo da rede privada de saúde e indo para a pública. A Clínica da Família não diferencia as pessoas. Ela atende a todos independente de sua classe de renda ou posição geográfica. Não há cidade no mundo que se desenvolva se não tiver uma saúde pública de qualidade. A previsão é que, em dezembro de 2016, de cada 10 cariocas, sete serão atendidos pelas Clínicas da Família – pontuou o secretário executivo de Coordenação de Governo, Pedro Paulo.

A Área de Planejamento 4.0 (Região da Barra e Jacarepaguá) conta hoje com 26 unidades, sendo três Clínicas da Família, 11 centros municipais de saúde, uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), uma policlínica, três hospitais, três centros de atenção psicossocial, uma Coordenação de Emergência Regional, duas unidades psiquiátricas e um hospital maternidade. A cobertura de saúde da família da AP 4.0 é atualmente de 15,4%.

Moradora da comunidade Terreirão, no Recreio, há 15 anos, a babá Luiza Silva, de 54 anos, está esperançosa com a construção desta unidade de saúde próximo à casa dela:

– Tenho diabetes e colesterol alto e preciso de acompanhamento médico frequentemente. Com essa clínica, vou poder ser tratada do lado de casa e terei a garantia de um tratamento de qualidade. Sem dúvida é uma grande obra para a comunidade.

As clínicas da família fazem parte de um projeto pioneiro e inovador que permitiu a revolução histórica no setor de saúde da cidade. O Rio já conta com 77 Clínicas da Família inauguradas desde 2009. A meta da Prefeitura é alcançar uma cobertura de 70% da população pela Estratégia de Saúde da Família até o fim de 2016.

Em 2008, o Rio era a capital brasileira com pior cobertura de saúde, com apenas 3,5% dos cariocas atendidos pela estratégia. Atualmente, já são 48,1% de cobertura da população, o que representa mais de 3 milhões de pessoas beneficiadas.

A nova clínica da família ficará na Avenida das Américas, na altura da 18ª Gerência de Conservação e será construída pela Empresa Municipal de Urbanização (RioUrbe). Os recursos para a construção desta unidade de saúde foram doados pela Câmara Municipal devido à economia orçamentária realizada pelos vereadores.

Fonte: Jornal da Barra

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *